Android – Como exibir o menu de opções no Fragment (How can use onCreateOptionsMenu in a Fragment)

options menu

O procedimento é o mesmo, sobrescrevemos o onCreateOptionMenu e inflamos nosso menu do resources, porem temos que adicionar somente uma linha de código a mais, no fragment vamos sobrescrever o método onCreate() vamos inserir:

Continue reading

Android – Definindo uma cor de fundo para todas as telas (how to set background color of all screens?)

UniqueID

Caso você queira personalizar a cor de fundo de todas suas telas basta definir o atributo android:windowBackground no seu Style.

Exemplo:

#FF00F0F0

O Atributo colorBackground permite que você insira a cor de forma literal, já o windowBackground só aceita a cor de um resource (como definido a tag color no exemplo acima). Não há a necessidade de definir os dois atributos.

Veja mais em: Styles and Themes

Android – Implementando corretamente o botão voltar na ActionBar (Providing Up Navigation)

navigation up action bar

Todas as telas em seu aplicativo que não são a entrada principal para o seu aplicativo (a tela “home”) deve oferecer ao usuário uma maneira de navegar para a tela pai lógica na hierarquia do aplicativo pressionando o botão Up na Action Bar . Esta lição mostra como implementar adequadamente esse comportamento.

Os conceitos e princípios para a navegação acima são descritos em Designing Effective Navigation e em Navigation  guia de design. É muito importante ler esse conceito para aprender a forma correta da utilização do Navigation UP, tenha em mente que ele não é como o nosso botão de voltar do Sistema Operacional, o comportamento dele deve ser visto de outra maneira.

Resumindo, o botão up deve navegar entre as telas de forma hierárquica já o botão voltar em ordem cronológica inversa.

Exemplo: Continue reading

Android – Empilhando Fragments para navegação.(navigate backward through the fragment transactions)

android_activity_fragment

Tenha em mente que quando você executa transações de fragments, tais como substituir ou remover um, muitas vezes é apropriado permitir que o usuário navegue para trás para “desfazer” a mudança.

Para permitir que o usuário navegue para trás através das operações de fragmentos, você deve chamar o addToBackStack()  antes de dar commit no FragmentTransaction.

getFragmentManager().beginTransaction()
	.replace(R.id.content_frame, new FragConsulta2())
	.addToBackStack(null)
	.commit();

Quando você  substitui um fragment e adiciona a transação para a pilha de volta (addToBackStack), o fragmento que é retirado é parado (não destruído). Se o usuário navega de volta o fragment anterior é reiniciado. Se você não adicionar a transação para a pilha de volta, em seguida, o fragment é destruído quando for substituído.

Caso haja a necessidade de “limpar” a pilha, ou seja estourar todos os backStack basta executar:

FragmentManager fragmentManager = getSupportFragmentManager();
fragmentManager.popBackStack();

Android – Como fazer o ListView do Instagram (Instagram ListView)

Instagram_ListView

O ListView do Instagram tem um efeito de rolagem muito interessante, conforme rolamos a lista o ‘cabeçalho’ de cada item fica fixo até o cabeçalho do próximo item chegar e tomar o seu lugar (conforme a imagem acima).

O Segredo está no item da lista e na implementação da interface  AbsListView.OnScrollListener para escutarmos a rolagem da lista.

Vamos criar um item da lista, com um título e conteúdo. O título deve estar acima do conteúdo, portanto, ele deve ser o último elemento em uma RelativeLayout . Além disso, a criação android:layout_alignParentTop em título iria tentar aplicar a regra sempre que os parâmetros de layout mudar. Por isso, é melhor não adicionar a regra:

Continue reading

Android – Monitorar o status de conectividade (Monitoring the Connectivity Status)

android_hotspot

Alguns dos usos mais comuns para alarmes e serviços de fundo é agendar atualizações regulares de dados e recursos da Internet ou executar downloads.

Você pode usar o ConnectivityManager para verificar se você está realmente conectado à Internet, e em caso afirmativo, qual o tipo de conexão.

Primeiramente lembre-se de inserir a seguinte permissão em seu Manifest.xml:

    <uses-permission android:name="android.permission.ACCESS_NETWORK_STATE" />

Abaixo vamos ver 3 exemplos,  verificar se existe conexão, o tipo e o status. Continue reading

Android – Problemas ao executar adb no Ubuntu 64bits (Android adb not found / error=2 No such file or directory / Unable to run mksdcard SDK tool)

android minimize

Unexpected exception 'Cannot run program "/adt-bundle-linux/sdk/platform-tools/adb": error=2, No such file or directory' while attempting to get adb version from '/adt-bundle-linux/sdk/platform-tools/adb'

Unable to run mksdcard SDK tool

Provavelmente ao instalar o Android no Ubuntu 64bits você vai se deparar com algum erro para executar o ADB ou o Emulador.

O problema é que o Android necessita de algumas bibliotecas 32bits para rodar o ADB. Para solucionar esse problema basta executar em seu terminal o seguinte comando:

sudo apt-get install libc6-i386 lib32stdc++6 lib32gcc1 lib32ncurses5 lib32z1

Esse comando foi testado no Ubuntu 13.04 e 13.10.

Eclipse – Como configurar o atalho CTRL+TAB para navegar entre tabs

eclipse_ctrl+tab+atalho

Bem vindo ao Eclipse, pera aí… Ctrl+TAB não funciona? como vou navegar entre as tabs? (decepção total). No Eclipse esse atalho é chamado de Next Editor, é dado pela combinação das teclas ctrl+f6. Para alterarmos vamos realizar os procedimentos abaixo:

  • Acesse a opção Window na barra de menu e escolhaPreferences;
  • Depois abra a opção General e selecione Keys;
  • Em uma pequena caixa de texto abaixo da combobox de seleção de Scheme, substitua ‘type filter text’ por ‘Next Editor’;
  • Selecione a opção mostrada na lista de resultados (Next Editor);
  • Logo abaixo, na caixa de texto Bindings, apague a combinação pré-existente (Ctrl+F6) e execute a combinação de teclas desejada (suponho que seja ‘Ctrl+Tab’);
  • Você também pode querer alterar a combinação para voltar à aba anterior, para tal, opós modificar a configuração para ‘Next Editor’, escreva ‘Previous Editor’ na caixa de texto de procura;
  • Novamente selecione o resultado na lista e substitua a combinação de teclas apresentada por uma de sua preferência (eu sugiro ‘Ctrl+Shift+Tab’);
  • Depois de tudo configurado, clique sobre o botão Apply e depois em OK;

Fonte: http://goo.gl/r0NsvV

Android – Filtrando dados de um ListView com um EditText (How to Filter ListView through EditText)

filter_listview_edittext_android

Quando nos deparamos com vários conteúdos em uma lista, a pesquisa sempre fica mais difícil. O Android nos proporciona uma classe chamada Filter que se responsabiliza em tratar o filtro.
Operações de filtragem realizado pelo Filter são realizadas de forma assíncrona. Quando esses métodos são chamados, um pedido de filtragem é postado em uma fila de pedidos e processados ​​mais tarde. Qualquer chamada para um desses métodos irá cancelar qualquer pedido de filtragem não executada anterior.
Abaixo veremos a utilização desse recurso: Continue reading

Android – Entendendo a unidade dpi (Density-independent Pixels)

DesignBytes: Density-independent Pixels (Portuguese)

“Nesse episódio de DesignBytes em português, uma breve explicação como os designers de apps Android podem facilmente trabalhar entre diferentes telas com variadas densidades de pixels, usando os density-independent pixel (abreviado como dp ou dip), uma unidade virtual de pixel que mantém objetos com o mesmo tamanho físico entre os dispositivos. Entender as unidades de dp é crítico para a criação de um design de sucesso para um app Android.”

(Lembre-se de nos ajudar clicando nos anúncios em nossa página.)