Linux – Descobrindo que processo está consumindo mais memória

hard-tux-process

- como saber o que esta usando a memoria ram
- verificar memória linux
- programas que consomem muita memoria
- verificar consumo memória linux
- como saber o que esta consumindo minha memoria ram
- memoria ram sendo muito usada
- memoria ram linux
- como saber qual programa consome mais memória

Para descobrir qual processo está consumindo mais memória vamos executar o seguinte comando:

ps axo %mem,pid,euser,cmd | sort -nr | head -n 10

Este comando, vai pegar em porcentagem o uso da memoria do processo, pid, usuario, e o comando (ps axo %mem,pid,euser,cmd), depois ele vai ordenar (short -nr) pelo mais pesado pegando os 10 primeiros (head -n 10).

Windows 7 e Ubuntu 13.04 – Como limpar o cache de DNS local (How to Flush your System DNS Cache)

dnsEste tutorial vai mostrar como limpar os registros DNS do seu sistema, no Windows 7 e Ubuntu 13.04 (Também funciona em outras versões).

A razão que você vai querer fazer isso é simples. Sempre que você não conseguir acessar determinados sites ou recursos por causa de mudanças recentes, é muito provável que o DNS do seu sistema possa estar com registros desatualizados, para resolver, você tem que limpar os registros antigos antes que você possa acessar esses recursos.

Quando você acessar recursos de rede ou sites, o computador mantém um registro de como ele acessou esses recursos, para acessá-los novamente sem refazer a consulta, tornando a resposta mais rápida. Agora, se a informação desses recursos foram alteradas, você pode ter que atualizar ou limpar o DNS.

Veja as maneiras : Continue reading

Apontando um domínio para o serviço Route 53 da Amazon

route53

Neste post vamos mostrar como configurar o Route 53 da Amazon Web Services (aws). Encontrei este vídeo que me serviu de tutorial, feito pelo Roberto Silva, um video muito bom e bem explicado.

Para quem quer adquirir um serviço de DNS, recomendo o Route 53, ele é bem simples de configurar, rápido e barato.

Para mais detalhes: http://aws.amazon.com/pt/route53/

Linux – Habilitando o modo rewrite, htaccess files, do Apache2

mod_rewrite_htaccess

 

Irei demostrar nesse post como habilitar o módulo rewrite (mod_rewrite) do apache2. Esse módulo é responsável para ativar o uso dos arquivos .htacces. Utilizei o Ubuntu Server para teste, porem acredito que funcione na maioria das distribuições.
O apache trabalha com a ativação de modulos e configuração em geral, com links simbolicos na pasta /etc/apache2/mods-enabled apontando para modulos disponíveis na pasta /etc/apache2/mods-available.
Para conseguirmos utilizar os arquivos .htaccess, devemos habilitar o modulo rewrite, criando um link simbólico do arquivo rewrite.load da pasta available para a pasta enabled.
sudo ln -s /etc/apache2/mods-available/rewrite.load /etc/apache2/mods-enabled/rewrite.load
Para completar e habilitar o uso dos arquivos .htaccess devemos liberar a opção AllowOverride da tag <Directory /var/www> no arquivo /etc/apache2/sites-available/default, deixando-o da seguinte maneira:

Continue reading

Linux – Executar jar na inicialização do sistema. Jar como serviço. (How to make a jar file run on startup)

java linux tux

Uma maneira fácil de se fazer isso é utilizar o SysVInit.

1 – Você deve criar um script de start e stop para sua aplicação. No exemplo vamos utilizar o diretorio /opt/:

Start Script: /opt/server/myapp-start.sh
Stop Script: /opt/server/myapp-stop.sh

Cada arquivo dará as instruções necessárias para executar e parar o aplicativo.
O conteudo é bem simples, exemplo de como ligar:

#!/bin/bash

java -jar /opt/server/myapp.jar

Para parar, pode ser algo como:

#!/bin/bash
# Grabs and kill a process from the pidlist that has the word myapp

pid=`ps aux | grep myapp | awk '{print $2}'`
kill -9 $pid

2 – Crie um script ‘myscript’ e coloque-o em /etc/init.d.

‘/etc/init.d/myscript’ conteudo: Continue reading

Linux – Modificando o TimeZone (Change TimeZone in Linux)

time zone timezone

Post retirado do vivaolinux.

“Em algumas distribuições, como o Linux Mint e o Ubuntu por exemplo, o timezone é controlado por meio do arquivo /etc/timezone.

Para ver meu timezone posso usar (no terminal) o comando:

# cat /etc/timezone
America/Sao_Paulo

Estou no timezone America/Sao_Paulo.

Para trocar para o timezone de São Paulo para Fernando de Noronha(por exemplo) vamos verificar qual o nome deste time zone fazendo: Continue reading

Dropbox – Unable to monitor filesystem

dropbox

DropBox

Dropbox é um serviço gratuito que permite que você traga suas fotos, documentos e vídeos em qualquer lugar e compartilhá-los facilmente.
Unable to monitor filesystem, esse problema sempre aconteceu comigo ao instalar o dropbox no linux (Fedora e Ubuntu), para resolver é bem simples basta executar a seguinte linha de comando no seu terminal:

echo fs.inotify.max_user_watches=100000 | sudo tee -a /etc/sysctl.conf; sudo sysctl -p

Quem não tem dropbox ainda não sabe o que está perdendo! cadastre-se: http://db.tt/oDz09Ba

Fedora – Habilitar USB no VirtualBox

Sempre tive problemas ao habilitar o USB no VirtualBox, e acredito que todos que utilizam ele no Fedora ou qualquer outra distribuição Linux tem ou já teve esse problema. Para resolver é simples (depois que descobri como), basta adicionar seu usuário no grupo do vboxusers e editar o arquivo responsável por controlar as usb no VirtualBox informando o grupo e a permissão, veja como no tutorial abaixo:

Continue reading

Instalando o Skype no Fedora 16 64bits

Como não tem disponibilizado o Skype x64 para o fedora basta fazer um simples procedimento antes.

Instale as seguintes bibliotecas:

$> sudo yum -y install libXv.i686 libXScrnSaver.i686 qt.i686 qt-x11.i686 pulseaudio-libs.i686 pulseaudio-libs-glib2.i686 alsa-plugins-pulseaudio.i686

Caso de esse erro:
Error: Protected multilib versions: 1:qt-x11-4.8.2-2.fc17.i686 != 1:qt-x11-4.8.1-10.fc17.x86_64
Error: Protected multilib versions: 1:qt-4.8.2-2.fc17.i686 != 1:qt-4.8.1-10.fc17.x86_64

Retire da linha de comando acima  o “qt.i686″ e tente novamente.

Após instalado. Instale o Skype do site oficial. O arquivo já é RPM:

http://www.skype.com/intl/pt-br/get-skype/on-your-computer/linux/downloading.fedora

Abrindo arquivos RAR no Fedora

Primeiramente adicionamos o repositório “RPM Fusion” no nosso sistema com os seguintes comandos.

$ su -c “rpm -Uvh http://download1.rpmfusion.org/free/fedora/rpmfusion-free-release-stable.noarch.rpm”

$ su -c “rpm -Uvh http://download1.rpmfusion.org/nonfree/fedora/rpmfusion-nonfree-release-stable.noarch.rpm”

Agora é só instalar o pacote unrar

$ su -c “yum install unrar”

Pronto. é só abrir seus arquivos normalmente pelo próprio gerenciador de arquivos da maquina.